DF registra quatro vezes mais acidentes do que a média nacional

0

No ano passado, o Distrito Federal registrou 333 ocorrências a cada 100km. Média nacional consta 82 incidentes

 

Foi divulgado nesta última quinta-feira (19/9) o painel da Confederação Nacional do Transporte (CNT) de consultas sobre as dinâmicas dos acidentes rodoviários ocorridos em rodovias federais em 2018. Os dados mostraram que o Brasil registra 14 mortes nas rodovias federais a cada dia.

O DF registra quatro vezes mais acidentes do que a média nacional, entre as 27 unidades da Federação, o Distrito Federal lidera o número de acidentes a cada 100km. No ano passado foram 333 ocorrências a cada 100km, número quatro vezes maior que a média nacional (82). Isso se deve ao fato de que as principais rodovias federais cortam áreas urbanas do DF. Em relação ao número de mortes, a BR-020 é a rodovia que mais mata: foram 15 vidas perdidas nesta rodovia em 2018.
Ao todo, 690 acidentes com mortos ou feridos foram registrados nas rodovias federais que cortam o Distrito Federal. No período de 2007 a 2018, foram 8.590 acidentes com vítimas. O tipo mais frequente é a colisão, 66,6% do total registrado. O custo anual estimado dos acidentes ocorridos em rodovias federais no Distrito Federal chegou a R$ 112,30 milhões no ano passado.
As BRs 116 e 101 são as que mais matam no país, foram 649 mortes na BR-116 e 615 mortes na BR-101. Juntas, essas duas rodovias concentram 24% das 5.269 mortes ocorridas em rodovias federais. Colisão é o tipo mais comum de acidentes com vítimas no Brasil, as colisões representaram 60,1% dos 53.963 acidentes com mortos ou feridos.

*Estagiário sob a supervisão de Vinicius Nader

Ranking de acidentes por 100km em 2018

1º Distrito Federal 333
2º São Paulo 308
3º Santa Catarina 288
4º Espírito Santo 231
5º Rio de Janeiro 212
6º Paraná 155
7º Sergipe 135
8º Paraíba 97
9º Pernambuco 94
10º Minas Gerais 81
11º Rio Grande do Norte 79
12º Goiás 77
13º Rondônia 67
14º Alagoas 65
15º Rio Grande do Sul 59
16º Ceará 59
17º Bahia 48
18º Mato Grosso 46
19º Piauí 37
20º Pará 37
21º Mato Grosso do Sul 33
22º Amapá 31
23º Maranhão 29
24º Tocantins 27
25º Acre 22
26º Roraima 18
27º Amazonas 13
Fonte: Confederação Nacional do Transporte – CNT
anuncio patrocinado
Anunciando...