Concurso diplomata: Iades divulga locais de prova para mais de 6,4 mil inscritos

0
40

O concurso público oferece 20 vagas na classe inicial do terceiro secretário. A remuneração inicial do cargo é de R$ 19.199,06

 

O Instituto Rio Branco publicou nesta quarta-feira (28/8) os locais de aplicação da prova objetiva da primeira fase, referentes ao concurso público de admissão à carreira de diplomata. O documento está disponível para consulta no site do Iades, que é a banca organizadora da seleção. Ao todo, 6.411 pessoas disputarão as 20 vagas para a classe inicial de terceiro secretário.

A prova objetiva da primeira fase será aplicada em 8 de setembro de 2019, em dois períodos: o primeiro às 9h30, com duração de 3 horas; e o segundo às 15h, com duração de 3 horas.
Fique atento
De acordo com o edital, o candidato deverá, obrigatoriamente, acessar o site da banca para verificar o seu local de realização da prova, por meio de consulta individual, devendo, para tanto, informar os dados solicitados.
O candidato deverá comparecer ao local designado para a realização da prova com antecedência mínima de uma hora do horário fixado para o seu início, munido de caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente, do comprovante de inscrição e do documento de identidade original.
Será eliminado do concurso o candidato que, durante a realização da prova, for surpreendido portando:
a) aparelhos eletrônicos, tais como: máquinas calculadoras, agendas eletrônicas ou similares, telefones celulares, smartphones, tablets, iPod, gravadores, pendrive, mp3 player ou similar, qualquer receptor ou transmissor de dados e mensagens, bipe, notebook, palmtop, walkman®, máquina fotográfica, controle de alarme de carro etc;
b) relógio de qualquer espécie, óculos escuros, protetor auricular, lápis, lapiseira/grafite, marca-texto e(ou) borracha;
c) quaisquer acessórios de chapelaria, tais como: chapéu, boné, gorro etc;
d) qualquer recipiente ou embalagem, tais como: garrafa de água, suco, refrigerante e embalagem de alimentos (biscoitos, barras de cereais, chocolate, balas etc.), que não seja fabricado com material transparente.
 
O concurso 
O concurso público oferece 20 vagas na classe inicial do terceiro secretário. Após aprovado, os candidatos ingressarão no Curso de Formação de Diplomatas do Instituto Rio Branco, cuja conclusão constitui condição essencial para a confirmação do servidor no Serviço Exterior Brasileiro. A remuneração inicial do cargo é de R$ 19.199,06.
A seleção será realizada por prova objetiva e provas escritas. A primeira fase será realizada nas capitais dos 26 estados da Federação e no Distrito Federal, na data provável de 8 de setembro. Já a segunda será realizada nas capitais onde houver candidatos aprovados na primeira.
Foi divulgado, no Diário Oficial da União desta segunda-feira (8/7), o edital do concurso público para admissão a carreira de diplomata! O concurso é realizado pelo Instituto Rio Branco (IRBr), com a colaboração do Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades).

São 20 vagas na classe inicial do terceiro secretário. Após aprovado, os candidatos ingressarão no Curso de Formação de Diplomatas do Instituto Rio Branco, cuja conclusão constitui condição essencial para a confirmação do servidor no Serviço Exterior Brasileiro. A remuneração inicial do cargo é de R$ 19.199,06.
Do total de vagas 15 serão para ampla concorrência, quatro para candidatos negros e uma para candidatos com deficiência.
Os interessados poderão se inscrever pelo site da banca, das 8h de 17 de julho até as 23h59 de 12 de agosto. A taxa de inscrição é de R$ 208 e estarão isentos candidatos que estiverem inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), for membro de família de baixa renda ou for doador de medula óssea.

Fases

Os candidatos serão avaliados por duas fases:
Primeira Fase: prova objetiva, constituída de questões do tipo certo ou errado de língua portuguesa, língua inglesa, história do Brasil, história mundial, política internacional, geografia, economia e direito e direito internacional público, de caráter eliminatório, que habilitará os candidatos a se submeterem à fase seguinte
Segunda Fase: provas escritas de língua portuguesa, língua inglesa, história do Brasil, geografia, política internacional, economia, direito e direito internacional público, língua espanhola e língua francesa, de caráter eliminatório e classificatório
A primeira fase será realizada nas capitais dos 26 estados da Federação e no Distrito Federal, na data provável de 8 de setembro. Já a segunda será realizada nas capitais onde houver candidatos aprovados na primeira.

Requisitos

Para assumir o cargo é necessário ser brasileiro nato, ter idade mínima de 18 anos, apresentar aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo, verificada por meio de exames pré- admissionais e apresentar diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior, emitido por instituição de ensino credenciada pelo Ministério da Educação (MEC).

Desvendando o edital de diplomata: saiba tudo sobre o novo concurso! 

anuncio patrocinado