Após derrota no Senado, Bolsonaro diz esperar que Câmara mantenha decreto das armas

0

Projeto pela suspensão foi aprovado Foram 47 votos a favor e 28 contra Matéria será analisada na Câmara

 

 

Após o Senado derrubar o decreto das armas nesta 3ª feira (18.jun.2019), o presidente Jair Bolsonaro disse, em sua conta no Twitter, esperar que a Câmara dos Deputados mantenha a medida que flexibiliza a posse, o porte e a comercialização de armas.

“Esperamos que a Câmara não siga o Senado, mantendo a validade do nosso Decreto, respeitando o Referendo de 2005 e o legítimo direito à defesa”, disse.

O decreto foi derrubado no Senado após aprovação do Projeto de Decreto Legislativo 233/2019 que suspende a medida. Agora, a matéria segue para análise da Câmara.

Foram 47 votos pela suspensão do decreto e 28 pela continuidade.

anuncio patrocinado